Horário de Funcionamento:  Seg‑Sex  09:00‑18:00  
Telefone:   (31)995787120

Placa de vídeo estragada tem conserto?

Placa de vídeo estragada tem conserto?

Hoje vamos explorar um assunto que pode ser tanto a salvação quanto o pesadelo de muitos: será que a placa de vídeo estragada tem conserto? Bem, a resposta não é tão simples, mas estamos aqui para desvendar esse mistério e trazer algumas curiosidades sobre o universo das placas de vídeo.
O que pode dar errado com uma placa de vídeo?

Antes de entrarmos no cerne da questão, vamos entender quais os problemas mais comuns que podem afligir nossas amadas placas de vídeo:
Superaquecimento:

Aquele clima de churrasco dentro do gabinete não é nada bom para os componentes, e o superaquecimento pode causar danos irreversíveis à placa.
Problemas com drivers:

Às vezes, a placa não está exatamente “estragada”, mas sim sofrendo com problemas relacionados a drivers desatualizados ou incompatíveis.

Nesse caso, é só atualizar e voltar aos jogos.
Danos físicos:

Impactos, umidade e até mesmo o pó acumulado podem afetar o desempenho e a longevidade do componente.

Lembrando que seja qual for o problema, o ideal é que você procure por um técnico qualificado para obter um diagnóstico preciso.
O conserto é possível?

A resposta curta é: depende. Em muitos casos, o conserto de uma placa de vídeo é possível, mas nem sempre vale a pena financeiramente.

Algumas situações em que o conserto pode ser viável incluem:
Troca de pasta térmica:

Se o problema for superaquecimento, pode ser que a pasta térmica esteja vencida ou mal aplicada. Nesse caso, a solução é simples e barata.
Solda fria:

Se você notar que sua placa de vídeo apresenta artefatos gráficos, como linhas e pontos coloridos na tela, pode ser que alguma solda esteja comprometida. Em algumas situações, o reparo é possível, mas exige habilidades específicas e ferramentas adequadas.
Capacitores estufados:

Se os capacitores da placa estiverem estufados, o conserto pode ser relativamente simples, desde que você encontre os componentes certos para a substituição.
Quando o conserto não vale a pena

Infelizmente, nem tudo são flores no mundo do hardware. Em alguns casos, o conserto pode ser inviável ou sair mais caro do que a aquisição de uma nova placa de vídeo.

Deixe um comentário

×